Salto de Pirapora Notícias 2017

Salto de Pirapora Notícias 2017
Clique na imagem!

sexta-feira, 3 de março de 2017

Prefeitura Municipal emite nota de esclarecimento sobre o caso da GCM gestante

GCM Aiala Tamantine
A Prefeitura Municipal, através da assessoria de imprensa, emitiu nota oficial sobre o caso da GCM gestante que passou mal no serviço, no dia 27/02. Tal caso teve tanta repercussão que foi motivo de requerimento do vereador Fernando Duarte (PDT), que solicitou maiores informações sobre o caso, durante a sessão ordinária de ontem, 02 de Março.

Segue a nota, na íntegra:

“A assessoria de Imprensa da Prefeitura de Salto de Pirapora esclarece, por intermédio do Comando da Guarda Municípal, os fatos noticiados pela imprensa local, referentes à Guarda Civil Aiala Tamantine Almeida Augusto, ocorridos em 27 de fevereiro.

O Comando da Guarda, preocupado com o bem-estar da servidora pública que se encontra gestante, a retirou da escala normal de plantão dos guardas municipais, conforme processo administrativo nº 1457/2017, protocolado em 22/02, designando a servidora para prestar somente serviços internos em unidade de saúde do município (Centro Médico), a qual fica anexa a Maternidade Municipal.

Ocorre que nos dias 27 e 28 de fevereiro, a referida unidade de Saúde (Centro Médico), permaneceu fechada, em cumprimento ao Decreto nº 6288/2017, razão pela qual a servidora deveria ter permanecido em casa, usufruindo do descanso previsto no referido decreto, uma vez que não se encontrava obrigada a cumprir a escala normal de serviços dos outros membros da Guarda Municipal.Tal medida se deu em razão da preocupação do Comando em mantê-la em local de trabalho próximo a maternidade, caso necessitasse de atendimento médico imediato.

Inadvertidamente, no dia 27, segunda-feira, a GCM Aiala, sem consultar o Comando da Guarda Municipal, dirigiu-se ao trabalho normalmente. Apesar de estar fechado, permaneceu na frente da unidade de saúde, mesmo não tendo recebido ordem expressa nesse sentido e estar ciente de que não deveria cumprir o regime normal de plantões da Guarda Municipal.

Há de se destacar que o Comando da Guarda está atento a regra do artigo 125 do Estatuto dos Servidores, e justamente em razão disso destacou a GCM Aiala para trabalhar no serviço interno do Centro Médico.

CTM Camargo
Ao saber que a GCM passou mal, na segunda, dia 27 de fevereiro, o Comandante da Guarda dirigiu-se à Santa Casa para esclarecer a situação, informando a GCM Aiala, que em razão do Centro Médico encontrar-se fechado na segunda-feira 27/2, deveria ter permanecido em casa, tal como fez outro guarda municipal, destacado para atuar no fórum do Município e que permaneceu em sua residência em razão do mesmo encontrar-se fechado.

Por fim, o Comandante da Guarda instruiu a GCM Aiala quanto à necessidade de melhorar a comunicação com o Comando, a fim de evitar imprevistos futuros, uma vez que tendo dúvidas quanto ao local de trabalho que estava fechado, deveria ter procurado o Comandante, conforme estabelece o regime disciplinar (Decreto 5445/2008) dos servidores que integram a corporação”.

Pautada pela linha editorial imparcial, o Jornal da Cidade sempre dá o mesmo espaço para os dois lados se manifestarem, devendo o leitor, com base na informação, formar a sua opinião sobre os fatos.











EKIP Motos | Peças | Acessórios | Oficina




Nenhum comentário:

Arquivo

Top 10 - Fatos e acontecimentos