Salto de Pirapora Notícias 2017

Salto de Pirapora Notícias 2017
Clique na imagem!

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Polícia Civil de Angatuba prende casal responsável pela morte do caseiro Luciano Saldanha

A vítima
O setor de investigação da Delegacia de Angatuba, sob a responsabilidade do delegado Humberto de Toledo Neder informa ter esclarecido a autoria da morte de Luciano de Souza Saldanha, 32 anos, que trabalhava de caseiro numa chácara do Bairro Churrascão, em Angatuba, e tinha familiares em Votorantim e em Salto de Pirapora.

De acordo com informação do delegado que comandou a investigação, Luciano Saldanha viveu relacionamento amoroso com Daiane de Souza Pereira de 30 anos, o relacionamento acabou, mas Luciano Saldanha não aceitava o fim do relacionamento. 

Daiane Pereira passou a relacionar-se com Luiz Antonio Campos de Araújo, 32 anos, morador do mesmo bairro. Movido por ciúmes, Luciano Saldanha teria proferido ameaças contra Daiane Pereira e também contra o atual namorado dela, Luiz Antonio.

O plano para matá-lo 

Daiane comentou com seu namorado sobre às ameaças e ambos deliberaram matar Luciano Saldanha. Na sexta-feira, 08/07, Daiane que tem cinco filhos saiu da casa dela no Bairro Churrascão, em Angatuba, juntamente com o namorado dela, Luiz Antonio e ambos foram levar as crianças na casa dos avós em Itapetininga; o casal fez isso para evitar que as crianças presenciassem o crime. Depois de deixarem as crianças na residência dos avós, o casal retornou para Angatuba.

No dia seguinte, 09/07, Daiane já ajustada com seu namorado Luiz Antonio, ela enviou mensagem via celular ao Luciano Saldanha tentando atraí-lo para a casa dela. No início da noite Luciano Saldanha chegou de moto em frente à residência de Daiane e lá permaneceu tentando falar com ela, naquele momento Luiz Antonio veio por trás dele e desferiu-lhe vários golpes com uma parte de chave de roda de veículo. Os golpes provocaram fratura na cabeça, no rosto e nas costelas; o rapaz morreu no local. O casal fugiu.

Na segunda-feira, 11/07, os investigadores apuraram fortes indícios que indicavam a autoria. O delegado Humberto Neder pediu a prisão do autor Luiz Antonio e da coautora Daiane Pereira. A justiça decretou a prisão dos dois, que inclusive assumiram a autoria do delito e relataram a dinâmica do homicídio duplamente qualificado artigo 121, parágrafo 2º do Código Penal. O casal está encarcerado preventivamente por 30 dias.

Nenhum comentário:

Arquivo

Top 10 - Fatos e acontecimentos