Salto de Pirapora Notícias

Salto de Pirapora Notícias
Fotos Salto de Pirapora - Clique na imagem!

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

População cobra ações efetivas e apoio da Zoonoses

Na 31ª edição impressa na capa do Jornal da Cidade de Salto de Pirapora foi divulgada que a população estava esperando mais ações da Zoonoses, a respeito dos cães de rua de nossa cidade, fato este que, desde de sempre, é critica. Tanto nos bairros, quanto na área central da cidade notamos a grande quantidade de cães abandonados. Com certeza é uma falta de consciência de quem adota um filhote e o abandona, mas também falta de efetividade nas campanhas de posse responsável e adoção de animais castrados, visando diminuir o número de cães.

Na época da publicação, a foto da capa mostrava a única feira de adoção que tivemos desde então, que prometia ser mensal, de acordo com e-mail enviado pela prefeitura. Na ocasião, o jornal foram informados da retomada das castrações no canil municipal, mas segundo os leitores, não ocorreram mais castrações e nem as feiras de adoção. Foi enviado os seguintes questionamentos para a assessoria de imprensa da prefeitura: por qual motivo estacionaram as castrações na cidade? Por que não tivemos mais feiras de adoção realizadas pela zoonoses? Caso não estejam paradas, quantas castrações e quantos animais foram adotados desde a época da publicação, em março deste ano? E qual medida a prefeitura está tomando a respeito dos cães de rua? Assim como você, querido leitor, seguimos aguardando as respostas, pois até o fechamento desta edição, a assessoria de imprensa lhes informaram que o setor de Zoonoses não havia passado as informações. Afirma o Jornal da Cidade.

O que nos deixa mais perplexos é a forma de trabalhar deste setor. Sabemos, através de fotos, que os animais que lá estão são bem tratados, com água, ração e medicamentos, quando necessário. Mas algumas questões não querem calar: por que não se realizam campanhas de conscientização e posse responsável? Por que não se realizam feiras de adoção? Por que não se estabelece um horário em que sejam permitidas as visitas? Por que não recebem animais que estão em situação de risco nas ruas? Por que não fazem uma página em rede social com as fotos dos animais que lá estão para, ao menos, tentar despertar nos cidadãos o desejo de adotar um animal e, com isso, abrir vagas para novos atendimentos? Como qualquer setor da administração pública, a Zoonoses também deve ser transparente com a população, pois muita coisa precisa de explicação, e vamos continuar insistindo. Diz o jornal.
Um bom exemplo que podemos dar é a última lista de compra de medicamentos para a Zoonoses.

O item mais caro da lista é o medicamento T61, que teve um custo total de R$ 7980,00 por 12 frascos, de 50 ml cada. O que mais chama a atenção, não é o alto custo por uma pequena dosagem. Apesar de elevado, está dentro do preço do mercado (R$ 665,00 cada), mas sim a finalidade do produto: a eutanásia de cães, gatos e até cavalos. Consultamos um especialista que nos informou que é um volume considerável, pois a dosagem necessária para eutanasiar um cão ou gato é pequena. Vamos continuar cobrando o órgão, pois a população merece uma explicação.


















O Melhor Preço R$ da cidade, confira!
Whatsapp (15) 99735.9886




  Disk Entregas

Acesse a página clique aqui!





Nenhum comentário:

Top 10 - Fatos e acontecimentos

Arquivo