Salto de Pirapora Notícias 2017

Salto de Pirapora Notícias 2017
Clique na imagem!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Suspeita de vender itens furtados em 'feiras de barganhas' na web é presa

Jovem de Pilar do Sul (SP) usava perfil falso para crime.
Ela confessou que produtos foram furtados pelo marido.
Produtos furtados foram encontrados na residência de casal (Foto: Divulgação/ Polícia Civil Pilar do Sul)

Uma jovem de 23 anos de Pilar do Sul (SP) foi presa suspeita de vender produtos furtados em feiras de barganhas de cidades da região pelo Facebook. A prisão foi na sexta-feira (9). O caso foi divulgado pela Polícia Civil neste domingo (11). Segundo a polícia, a mulher confessou o crime e disse que os itens foram furtados pelo marido dela, que está sendo procurado.


Conforme a polícia, a suspeita usava um perfil falso com o nome de “Jennyffer Elly Muratt” para oferecer os produtos nos grupos de venda e troca da rede social. Ela estava inscrita em 16 grupos diferentes, de Pilar do Sul, Itapetininga (SP), Sorocaba (SP), Sarapuí (SP), Salto de Pirapora (SP), São Miguel Arcanjo (SP) e Votorantim (SP).

O caso foi descoberto depois de uma semana de investigação, afirma a polícia. A desconfiança dos policiais surgiu depois que uma “onda de furtos” aconteceu nos bairros Cananéia e Reunidas, na zona rural de Pilar do Sul.

Os policiais descobriram que o perfil falso anunciava alguns dos produtos furtados das residências, entre eles brinquedos, eletrodomésticos, eletrônicos e utensílios e iniciou a tentativa de localizar o responsável pelo perfil falso. De acordo com a polícia, durante a investigação o marido da jovem acabou se tornando suspeito dos furtos. Ao checarem o perfil falso e da esposa do suspeito dos furtos, os policiais observaram dados semelhantes, por exemplo a data de nascimento.

Confirmada a suspeita, os policiais pediram à Justiça um mandado de prisão contra os dois. O mandado foi cumprido na sexta-feira, mas só a mulher estava na residência no Bairro Bandeirante, zona rural. Na casa, os policiais detiveram a suspeita enquanto ela acessava o perfil falso. A jovem confessou o crime, disse que pegou fotos de outra pessoa para montar o perfil e afirmou que o marido dela cometeu os furtos. O homem é procurado e não tem passagens pela polícia.
Furtos foram na zona rural, em bairros próximos
ao casal (Foto: Divulgação/ Polícia Civil Pilar do Sul)

Ainda segundo a delegacia, os produtos encontrados na casa da suspeita foram levados à Polícia Civil para a devolução aos donos. Os policiais só tem conhecimento de uma venda feita pela suspeita. Trata-se de uma televisão que foi vendida a uma idosa de 61 anos que mora no Jardim Nova Pilar. A mulher devolveu o eletrônico, alegou não saber que o produto era furtado e foi liberada.

A jovem de 23 anos não tinha passagens pela polícia e ficará presa na cadeia de Votorantim. Ela responderá pelo crime de receptação com agravante de ter exposto os produtos à venda, completa a polícia.


Suspeita estava inscrita em 16 grupos de venda e troca de produtos (Foto: Reprodução/ Facebook)


_________________________________________________________________________________

_________________________________________________________________________________



Nenhum comentário:

Arquivo

Top 10 - Fatos e acontecimentos